Colar x Decote : o que usar?!

Boa noite pessoal,

Hoje o assunto é moda!

Muitas pessoas erram na hora de escolher os acessórios para compor o look, principalmente com o uso de colares.

Você fica na dúvida quando está se produzindo?! Pois eu sim… aí, fui pesquisar sobre o assunto e vim compartilhar com vocês as dicas e truques que encontrei…

Então, descobri que essa dúvida acontece, justamente porque cada tipo de decote pede um estilo de colar diferente. Mas lembre-se de que isso não é uma regra, são apenas sugestões de uso, que vim repassar. Se você gosta de usar de outra forma e se sente bem? Sem problemas, se joga!

gola3

Bom, para escolher um colar – de tamanho maxi ou não, mais do que as estampas ou texturas das roupas, a temos que analisar o nosso tipo físico (aí, cai naquele post anterior sobre visagismo) e o decote da roupa. 

Maxicolares, que marcam presença constantemente nos looks das famosas, ganharam status de acessórios indispensáveis no inverno, quando os decotes terminam mais próximos ao pescoço. Ou no verão, quando as roupas deixam os ombros à mostra. A escolha do acessório, independentemente do tamanho, demanda uma breve análise do figurino e do próprio tipo físico. Assim, o ideal é que o colar repita o formato do decote, porém, o mais importante é que quem tem o pescoço curto e grosso escolha um modelo longo e com um pingente, para verticalizar a silhueta, e que tem pescoço longo e fino, um curto e volumoso.
gola4

Quando o acessório está adequado ao tipo físico da mulher que vai usá-lo, ele pode destacar pontos fortes e equilibrar o volume do corpo, o que garante a harmonia do visual. Por exemplo, uma mulher com seios grandes precisa evitar colares compridos, que não têm bom caimento. O melhor, nesse caso, é usar colares estilo ‘coleira’, na altura do colo do peito, que mantêm um visual sofisticado, discreto e elegante.

As estampas e texturas das roupas também devem influenciar a escolha do maxicolar. Se o look for básico, os acessórios podem e ser ‘poderosos’. Mas se o look for imponente, com pedraria e brilho, os acessórios precisam fazer a diferença pela simplicidade e delicadeza. Em resumo, o colar – seja maxi ou não – tem que respeitar, primeiramente, o tipo físico da mulher e ter o mesmo modelo do decote.

Aliando alguns truquezinhos, só observar fotos de blogueiras, atrizes e fashionistas de plantão que se pode reconhecer umas técnicas que fazem super sentido na hora de escolher o colar e valorizar o restante do conjunto, seja blusa, vestido ou até mesmo seu tipo físico. 

gola1

Uma dica boa é que os decotes V e U são ótimos para quem tem o busto grande. Já os decotes canoa e tomara-que-caia aumentam o tamanho dos ombros e são perfeitos para quem tem ombros muito estreitos.

Regatas são excelentes, pois são um “cenário perfeito” para fazer dos colares a atração principal de cada look, pois o corte básico das regatas deixa espaço para acessórios ousados e marcantes. Para deixar a produção com mais ares de “escritório e trabalho”, só finalizar com um blaser, está pronta!

Com relação à combinação dos colares com o resto dos acessórios, como brincos e pulseiras, procure combinar os estilos. Usar um brinco hippie com pérolas fica desconexo.

gola

Mora em uma cidade mais fresca? É fã de uma elegante gola alta? Pois bem, mesmo quando andar por aí com seu pescoço protegidinho: Colares longos de pedras lhe cairão muito bem. Para um visual mais leve, lance mão de suas correntes mais compridas e com elos maiores.

Quanto às rendas, você pode deixar suas blusinhas ainda mais românticas e delicadas. Basta incluir um colar de pérolas e voilà! Os tons da pérola, tamanho, forma e fecho ficam à sua escolha, claro! As possibilidades são inúmeras e o resultado é clássico. 

Você deve estar se perguntando sobre os famosos decotes de camisa social + tomara que caia + canoa… Aqui estão! 

gola5

Super amiga das mulheres, a camisa social é curinga para ocasiões e estilos diversos! Deixe-a ainda mais cheia de charme escolhendo colares com acabamento em fita, para poder amarrar em alturas variadas! Outro truque de styling já difundido é usar a gola abotoada com colares mais curtos por fora. 

Tomaras-que-caia também são maravilhosos para emoldurar os colares preferidos do seu porta-joias! Tornando a produção moderna e única! Varie os colares, podendo ser chokers, aros, fios de pedra e o que mais sua imaginação permitir.

Blusas assimétricas, decotes canoa e outras com corte mais amplo ficam lindas com colares com franjas, volume e visual alongado. A idéia é conferir ainda mais movimento à produção e enfeitar colo e ombros! 

E aí? Já está mais animada para tirar do seu armário tudo o que tem de mais legal? Divirta-se! 

 

Beijos,

Gió Lira

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s